05.05.2020  Sem categoria

UMA QUARENTENA MAIS SAUDÁVEL

Hey, Talken community!

O ano de 2020 chegou com muitas surpresas, e a necessidade repentina de fazer uma quarentena virou nosso mundo de cabeça para baixo: as saídas de casa foram limitadas, os planos de viagem alterados e nosso dia-a-dia tomou uma cara muito diferente. Trocamos o carro pelo computador; a ida a um restaurante por um pedido de delivery; nossas visitas a amigos por chamadas online.

Mas o que podemos fazer para melhor nos adaptar a essas mudanças? Nem só de Zoom vive o homem, afinal! Abaixo compartilhamos dez dicas que certamente tornarão os seus dias de quarentena muito melhores:

1. Defina horários para acordar

Sem sair de casa, é fácil se perder nos dias. Que tal colocar seu despertador um pouco mais cedo para dias de semana, e dormir um pouco mais no sábado e no domingo? Também é uma boa ideia começar o dia arrumando a cama – afinal, sabemos que os lençois espalhados são um convite permanente para cochilos fora de hora.

2. Defina um horário para trabalho e estudo

Com muitos de nós trabalhando e estudando online, é fácil cair na armadilha de continuar conectado com essas atividades mesmo nos fins de semana ou em nossos horários de descanso. Estabelecer horários limite para realizar essas tarefas pode nos ajudar a evitar esse problema. Por exemplo, se você trabalha durante a tarde, deixe para responder aquele email que chega à noite somente no dia seguinte.

3. Se permita desconectar

Mesmo se for necessário levar um pouco de trabalho para os fins de semana, procure separar um horário mandatório para relaxar. É muito fácil ser drenado se deixarmos com que o fluxo de demandas exteriores nunca seja interrompido. Que tal ter um tempo para deixar o celular de lado, e se desprender um pouco da necessidade de responder tudo imediatamente? Todos merecemos um tempo de paz e descanso.

4. Resista à tentação do pijama

Passar o dia inteiro em casa – ainda mais com o friozinho chegando – é um tentador convite a ficar o dia todo de pijama. Mas não é à toa que existem diferentes roupas para diferentes ocasiões: o mero ato de vestir-se para o trabalho é uma maneira de avisar nosso corpo que estamos prestes a exercer uma atividade diferente, que exige postura e comportamentos diferentes. Experimente vestir-se com roupas adequadas para seu horário de trabalho ou estudo, e não deixe de usar maquiagem e arrumar o cabelo – tudo isso faz bem para sua produtividade e auto-estima!

5. Escolha um lugar para trabalhar

Seguindo o mesmo raciocínio do item anterior, é difícil convencer seu corpo de que precisa ser produtivo quando você está na sua cama, debaixo de seu cobertor quentinho. Definir um lugar para trabalhar e organizar esse espaço para esse fim irá contribuir para que a preguiça não vença a disposição, e certamente aumentará sua eficiência.

6. Evite ver notícias o tempo todo

Em casa, com nossos computadores, celulares e televisões, é muito fácil se distrair, e até mesmo ficar ansioso com o constante fluxo de notícias que chegam até nós. Procure se informar somente do que for necessário, e tente deixar para ler o noticiário uma vez ao dia. É suficiente para se manter atualizado, mas não o bastante para causar muita ansiedade.

7. Se você mora com outras pessoas, comunique sua rotina

Avise seus pais, filhos, irmãos e cônjuges das suas horas de estudo e trabalho. Dessa forma, você evita interrupções e reforça o fato de que continua tendo horários e obrigações, mesmo estando em casa. Se você tiver que interromper suas aulas ou seu fluxo de trabalho constantemente para realizar tarefas domésticas ou atender a outras necessidades, é provável que sua produtividade seja comprometida.

8. Procure luz e silêncio

A luz do sol é uma excelente aliada da concentração, além de ser fundamental para a produção de Vitamina D e para manter-nos de bom humor! Se possível, escolha trabalhar em um cômodo com bastante luz natural, e tente se distanciar de fontes de barulho constantes. Silêncio auxilia nossa produtividade e contribui para que permaneçamos calmos durante as demandas de nosso trabalho.

9. Planeje suas refeições

Não deixe para começar a pensar no seu almoço ao meio dia! Para aqueles que cozinham em casa, lembre-se de levar em conta o tempo necessário de preparo, da própria refeição e da limpeza que vem depois. Uma boa ideia é fazer um simples cardápio semanal – dessa forma, você não precisa decidir diariamente o que cozinhar.

10. Não se esqueça dos amigos

Para muitos de nós, o isolamento social é muito custoso. Não gostamos de ficar longe dos amigos e termos que nos privar de visitar nossos lugares favoritos. Mas lembre-se: mesmo não sendo o ideal, as pessoas que amamos estão a apenas uma ligação de distância. Mantenha contato frequente com seus amigos e familiares, e o sentimento de estar sozinho com certeza será atenuado.

É isso aí! Esperamos que as dicas contribuam para que todos passem por esses tempos difíceis com saúde e boas energias!

Hang in there, and keep Talken!

ASSINE NOSSO NEWSLETTER