05.08.2019  Culture

Brain Tingles

Você tem o costume de se desligar em alguns momentos e dar um instante de relaxamento para o seu cérebro? Estamos cada vez mais conectados e as informações sobre diversos tipos de assuntos surgem na nossa palma da mão. Mesmo quando você possui um bom foco, ao realizar atividades acaba pulando rapidamente de uma para outra, sem espaço para descanso. A busca por relaxamento é uma tendência e se resume em proporcionar micromomentos que possam ser desfrutados sem pensar em nada. Com isso, surgiram os Brain Tingles, que podemos traduzir para “Formigamentos Mentais”.

A ideia dos Brain Tingles é fornecer sensações prazerosas por meio dos nossos sentidos. Podem ser barulhos da natureza, o toque em objetos com texturas diferentes, cheiros e lugares relaxantes. Dentre essas opções, vídeos e os estímulos visuais e auditivos são os mais acessados diariamente. No YouTube são mais de 13 milhões de vídeos com o objetivo de relaxar seus espectadores. 

Em um estudo da Universidade de Sheffield, na Inglaterra, comprovou-se que uma sessão de relaxamento com os Brain Tingles tem efeitos parecidos com técnicas antiestresse e mindfulness. Nesse mesmo estudo, os pesquisadores mostraram que as diferentes intervenções, dependendo do sentido estimulado, convergem para um resultado de relaxamento e bem-estar.

Para o aprendizado (seja da língua inglesa ou de qualquer outro tema) é importante o trabalho de relaxamento mental. Estar presente e com a mente aberta para receber conhecimento é vital no processo de aprendizagem. Sempre que possível, limpe sua mente antes de receber conhecimento, pois isso facilita aspectos como: reter a informação, gerar conexões com pessoas que podem potencializar seu aprendizado e gerar insights.

Atividades que geram esse prazer mental podem ajudar na concentração antes dos estudos. O nome dado para essa sensação é ASMR (Autonomous Sensory Meridian Response), ou Resposta Sensorial Autônoma do Meridiano, e pode não ser experimentado por todas as pessoas. Por isso, deixamos algumas dicas para que você possa usufruir dessa técnica de relaxamento:

  1. Pratique na “vida real”: Faça ou receba carinho nos cabelos ou nos braços. A conexão com pessoas é importante para estarmos sempre de bem com nosso equilíbrio.
  2. Procure um ambiente relaxante: Fuja do stress conscientemente. Quanto mais oportunidades você der para o relaxamento, mais relaxado você ficará.
  3. Mantenha a mente aberta: Existe um grande número de gatilhos, seja paciente e teste diferentes atividades: de tato, visuais, auditivas, gustativas e olfativas para perceber o que funciona melhor para você.

Confira nossas dicas de sites para ajudar na concentração enquanto aprende inglês:

ASMRION

Barulho da Natureza (Vento, Rio, Fogo)

ASSINE NOSSO NEWSLETTER