15.07.2019  Culture

Primeiro passo para o homem…

No dia 20 de julho de 1969, o homem chegou à Lua. Neil Armstrong, Buzz Aldrin e Michael Collins marcaram a história da humanidade com este feito. Ao pisar na Lua, Armstrong eternizou o momento com uma das frases mais importantes de todos os tempos: “É um pequeno passo para o homem, um grande salto para a humanidade.”

Analisando essa frase, você conhece os impactos e quais foram os “saltos” para nossa sociedade?

A corrida espacial iniciou em 1957 e, durante a Guerra Fria, forçou tanto EUA como União Soviética a buscarem novas tecnologias e em um curto período realizarem missões espaciais importantes para a história. O primeiro homem a ir para o espaço foi o russo Yuri Gagarin, tripulando a nave Vostok I. Com isso, os EUA perdiam a disputa, quando o então presidente Kennedy estipulou que a meta da NASA seria levar o primeiro homem à Lua. Em 1975, a corrida espacial chegou ao fim, EUA e URSS começaram a trabalhar em projetos conjuntos.

A cada nova missão, as agências espaciais pensavam em soluções para rápidas resoluções em um ambiente tão inóspito como o espaço. E, com isso, as pessoas foram através do tempo absorvendo essas inovações no dia a dia:

  • GPS: Iniciou com satélites usados para encontrar movimentações marítimas, depois a atividade de placas tectônicas até chegar aos nossos celulares.
  • Termômetro: Inventado por Galileo Galilei em 1592, recebeu melhorias. O modelo sem mercúrio usa raios infravermelhos e teve inspiração na maneira com que eram medidas as temperaturas das estrelas.
  • Painel Solar: Utilizado nas viagens espaciais com um propósito parecido com o que vemos em muitas casas atualmente.
  • Alimentos Desidratados: Refinou-se a forma de realizar a desidratação de alimentos.
  • Calçados: O material utilizado por astronautas está presente nos nossos tênis, que possibilitam durabilidade e ao mesmo tempo são arejados. 
  • Detector de Fumaça: A NASA mudou a forma de ação do detector. Ele entende a diferença de uma ameaça real ou do uso do fogo sem ser um real perigo.
  • Aparelhos sem fio: Para recolher materiais lunares, Neil Armstrong usou ferramentas sem fio de perfuração. O que, na Terra, transformou-se em uma série de produtos elétricos sem fio.
  • Medidores Cardiovasculares: utilizados para verificar o estado físico dos astronautas durante as missões. Agora, o equipamento é utilizado em hospitais.
  • Lentes de Contato: Começaram como um material para proteção contra raios ultravioleta no espaço.
  • Laser: A NASA utiliza os lasers para diversos fins: gerar números, conteúdos e para atividades práticas.  
  • Espuma: Utilizada para proteger os pousos e impactos das naves. Essa espuma é utilizada em próteses, camas especiais e em travesseiros.
  • Velcro: Não inventaram, mas popularizaram o uso, após sua aplicação em missões espaciais.
  • Aparelho Ortodôntico: De uma cerâmica especial para proteção de raios infravermelhos, a indústria de materiais ortodônticos utilizou a solução para formular este produto.
  • Teflon: Servia para proteção dos alimentos e dos próprios foguetes, principalmente devido a falta de gravidade no espaço. Hoje, vemos o material em panelas antiaderentes.

E vem muita coisa por aí. Além das agências espaciais em diversas potencias mundiais, a iniciativa privada também está investindo no espaço, como a SpaceX de Elon Musk. Em breve será possível realizar viagens turísticas ao espaço, visitar bases espaciais na Lua e realizar muitas pesquisas diretamente do espaço.

ASSINE NOSSO NEWSLETTER